Política

Começa segunda turma do curso de acessibilidade no atendimento ao público surdo

Publicado

em

A segunda turma do curso Acessibilidade: Atendimento do Público Surdo promovido pela Escola do Legislativo, teve início nesta segunda-feira, 30, na sala 1 da Escola, às 14 horas. A iniciativa é da Seção Pedagógica da Escola do Legislativo, comandada pela servidora Milena Costa. O curso de Libras está sendo aplicado pela servidora Vanúzia de Oliveira.

A formação é voltada para os servidores que trabalham com atendimento ao público na Assembleia Legislativa. O objetivo da formação é proporcionar uma oportunidade de conhecer a identidade e a cultura surda brasileira, por meio da linguagem de sinais (libras), disponibilizando noções básicas de comunicação para um atendimento adequado aos surdos.

Vanuzia Oliveira comenta sobre as barreiras enfrentas pelas pessoas com deficiência auditiva. “A proposta é exatamente a limitação da barreira de comunicação, então o objetivo é capacitar os servidores para receber esse cidadão. A pessoa não vai sair daqui expert em libras, mas ela vai sair com o conhecimento básico de como receber de forma adequada o deficiente auditivo”, explicou Vanúsia.

READ  Encerrada audiência que debateu o atendimento odontológico da rede credenciada ao Ipasgo

Preocupada com o atendimento, a servidora Déborah destacou a importância do curso. “Nós do gabinete do deputado Virmondes Cruvinel pregamos essa didática de um bom atendimento ao público, um gabinete aberto para todos, então é de suma importância esse curso”.

A policial legislativa, Judith Antônia comenta como aprimorar o trabalho. “Nós resolvemos fazer esse curso, porque a gente vê a importância desse atendimento ao surdo, que nós que trabalhamos com atendimentos o balcão, então a gente tem essa necessidade, porque lidamos com esse tipo de público.”

Comentários do Facebook
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CIDADES

PLANTÃO POLICIAL

POLÍTICA

ECONOMIA

MAIS LIDAS DA SEMANA