Ação Social

Operação Goiás Alerta e Solidário entrega quase 20 mil benefícios

Publicado

em

Ação do Goiás Social distribui itens como filtros de barro, cobertores, fraldas descartáveis e pacotes do Mix do Bem para 1.140 famílias

O Governo do Estado, por meio do Goiás Social, concluiu nesta semana o envio de quase 20 mil donativos a municípios das regiões do Norte e Nordeste na Operação Goiás Alerta e Solidário. Ao todo, 1.140 famílias em vulnerabilidade social que vivem em áreas de difícil acesso foram visitadas por equipes da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG) e Corpo de Bombeiros, e receberam donativos como filtros de barro para água, cobertores, fraldas descartáveis geriátricas e infantis, além de pacotes do Mix do Bem, entre outros.

De acordo com a presidente de honra da OVG e coordenadora do Goiás Social, primeira-dama Gracinha Caiado, o objetivo da ação é minimizar problemas que podem ocorrer em casos de grande volume de chuvas em um pequeno intervalo de tempo. “Nosso papel é garantir a segurança e o bem-estar de quem mais precisa. Eu digo sempre que não é necessário esperar que algo aconteça para agir, pelo contrário, temos que nos antecipar e levar o quanto antes os donativos a essas famílias, porque depois que vier a cheia, é mais difícil chegar”, destaca.

Marly Pereira de Jesus, 68 anos, recebeu fraldas descartáveis para a mãe, de 89, entre outros itens; ela vive na zona rural de Niquelândia

Marly Pereira de Jesus, 68 anos, recebeu fraldas descartáveis para a mãe, de 89, entre outros itens; ela vive na zona rural de Niquelândia

Nesta primeira etapa da operação, o Goiás Social alcançou 995 famílias na zona rural e 145 famílias em áreas urbanas consideradas de risco. As entregas, realizadas em parceria com as prefeituras e com o Corpo de Bombeiros, saíram de Goiânia no dia 6 de novembro e chegaram a famílias de 31 municípios, entre elas a de Marly Pereira de Jesus, que vive na zona rural de Niquelândia, a 300 quilômetros de Goiânia. Na casa dela vivem três pessoas, incluindo a mãe, acamada, de 89 anos.

READ  Governador Ronaldo Caiado entrega 3,1 mil benefícios sociais a moradores de Luziânia

“Aqui onde a gente vive é muito sossegado, mas a gente sabe também que é longe da cidade, precisa passar por estrada de terra, porteiras… Quando chove então, fica mais difícil. Praticamente só passa se for de trator. Só quem tem essa dificuldade de acesso sabe como é importante essa ação, porque traz os alimentos pra gente, o cobertor e as fraldas que a minha mãe precisa, antes que apareçam os atoleiros”, conta a idosa de 68 anos.

Nestes nove dias da primeira etapa da Operação Goiás Alerta e Solidário, a OVG entregou benefícios em Alto Paraíso de Goiás, Campinaçu, Carmo do Rio Verde, Cavalcante, Colinas do Sul, Flores de Goiás, Formoso, Goianésia, Guaraíta, Guarinos, Heitoraí, Hidrolina, Itaguaru, Itapaci, Itapuranga, Niquelândia, Nova América, Padre Bernardo, Pilar de Goiás, Planaltina, Posse, Rialma, Rianápolis, Rubiataba, Santa Isabel, São João D’ Aliança, São Luiz do Norte, São Patrício, Teresina de Goiás, Uruana e Vila Propício.

Ações
A Operação Goiás Alerta e Solidário foi lançada pelo governador Ronaldo Caiado em outubro deste ano, mobilizando diversas áreas do governo estadual. Além da entrega de donativos, inclui ações preventivas, de socorro e de reconstrução, como recuperação e manutenção da malha asfáltica; melhoria dos acessos a comunidades rurais; busca e salvamento com equipes de especialistas; entre outros.

READ  Rio: mortes em operação na Penha chegam a 21, diz Ministério Público

Fotos: Lucas Dellamare / Organização das Voluntárias de Goiás (OVG) – Governo de Goiás

Comentários do Facebook
Propaganda

CIDADES

PLANTÃO POLICIAL

POLÍTICA

ECONOMIA

MAIS LIDAS DA SEMANA