Tite confirma Brasil com Diego Alves no gol, fala sobre chances aos atletas e mostra conhecimento da Austrália

9376ae99d9406ee06e923ee0614c4e81

Desde a convocação para os amistosos contra Argentina e Austrália que o técnico Tite vem batendo na tecla de observar e dar oportunidade para atletas que aturam pouco ou até nem entraram em campo pela Seleção Brasileira. Se no primeiro duelo, contra os hermanos, o treinador analisou uma situação de jogo sem Neymar, alguns diferentes posicionamentos de Coutinho e até o retorno de Willian como titular, contra os donos da casa ele vai além.

São oito modificaçãoes quanto ao time que saiu derrotado para a Argentina, Diego Alves, Thiago Silva, Rodrigo Caio, David Luiz, Rafinha, Alex Sandro, Paulinho, Coutinho, Douglas Costa, Giulaino e Diego Souza, essa é a escalação confirmada para o confronto contra os australianos, que se preparam para a Copa das Confederações. Atletas como Diego Alves, David Luiz, Rafinha e Alex Sandro entraram em campo pela primeira vez na era Tite.

Apesar das mudanças, Tite se preocupou em deixar quase todos nas funcões que se sentem mais confortáveis, o treinador revelou até uma conversa com David Luiz para entender se ele prefere atuar no meio-campo ou como zagueiro.

“É muito desafiador ser justo, mas foi um item que peguei para determinar essa escalação. Se eu for para casa e não der a eles oportunidade de jogar, que sentimento eu terei? Eu seria muito egoísta se colocasse o resultado acima agora. Não posso pensar em mim, não pode ser assim. Então organiza a equipe, os trabalhos táticos, dá confiança e coloca para jogar. Assim terei experiências para julgar e errar menos. Vou errar, mas terei mais condições de acertar”.

Além de se mostrar preocupado em dar chances aos atletas, Tite também mostroiu conhecimento sobre o futebol jogado pelo time australiano, o treinador destacou alguns pontos observados a respeito do adversário.

“Eles tem a jogada qualificada, triangulação, é uma equipe que valoriza a posse de bola, ela mudou o sistema recentemente e conseguiu melhores resultados, tem uma bola parada defensiva e ofensiva muito forte, é uma escola com qualidade técnica individual e com imposição física também”.

Além deste duelo contra a Austrália, a Seleção Brasileira fará mais oito jogos antes de ter sua lista com os 23 convocados para a conta do mundo divulgada.

(Yahoo)

Top